MEU ORGULHO É SER BRASILEIRO APESAR DE TUDO !

MEU ORGULHO É SER BRASILEIRO APESAR DE TUDO !
Meu Brasil Grande e Potente!!

sábado, 2 de outubro de 2010

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

domingo, 19 de setembro de 2010

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Árvore dos Sentimentos...: [Boletim 6] - Amor e Amizade... Para Viver... O qu...

Árvore dos Sentimentos...: [Boletim 6] - Amor e Amizade... Para Viver... O qu...: "Amor e Amizade...Celso Gabriel de Toledo e Silva - Cegatosi®Poeta de Luz® - Arquiteto de Almas®Concebida em: 24/julho/2002 Se as minhas ..."

sexta-feira, 2 de julho de 2010




AMIGOS : APRESENTO-LHES O LANÇAMENTO DO LIVRO DE NOSSA AMIGA POETISA SANDRA GALANTE :

E POR FALAR EM AMOR...

EM BREVE SERÁ O MEU!



Sandra Galante :LIVRO


Estou muito feliz com a edição do meu primeiro livro:E por falar em amor...
Ofereço aqui o meu trabalho de um sonho sonhado e hoje realizado.
Local de compra on line:


http://www.clubedeautores.com.br/book/23442--E_Por_Falar_Em_Amor

terça-feira, 13 de abril de 2010

sábado, 20 de fevereiro de 2010

NOSSA VIAGEM.../ NUESTRO VIAJE



Quando juntos estamos,
O mundo e só nos dois...
Não há espaço pra outro alguém,
A nossa viagem é única,
Na nossa nave não há espaço prá mais ninguém,
Naquele momento, somos dois seres perdidos no nosso espaço interior.
O mundo terreno desaparece,
Somos seres de outra dimensão,
Nosso linguajar é único!
E nos comunicamos por telepatia...
Só ao nos olharmos, nos entendemos.
Nossos olhos transmitem os sinais ao cérebro,
Não são necessárias palavras, nem sons...
Os únicos sons que ouvimos,
São os sons do amor,
Dos gemidos e suspiros,
Das palavras ininteligíveis que murmuramos,
No afã do amar sublime,
Os seus olhinhos se fecham!
E, incontroláveis se viram...
Na orbita de seu mundo absorta...
Seu suspirar fica cadenciado,
Se confunde com seu prazer...
Seu suor se desprende,
Em resposta aos veredictos dados,
Na julgada batida do coração apaixonado...
Seus cabelos então, se misturam,
Ao doce mel jorrando de tua nascente,
Seu rio transborda de amor,
Vertendo a mais pura e cristalina forma!
A sua forma de brindar o amor...
E á causa que acabamos de pleitear...
O direito de ser feliz,
De nosso amor,
Ao exótico sabor de um bom beijo,
Selarmos esta viagem,
Feita aos extremos de nosso universo paralelo...
Observando, só entre nós dois...
A imensidão das luzes lançadas,
Neste nosso pólo Austral, interplanetário!
A nossa linda e multicolorida,
Aurora Boreal..

Dely T.Damaceno

NUESTRO VIAJE...
Cuando juntos estamos,
El mundo y sólo en los dos...
No hay espacio para otro alguien,
Nuestro viaje es único,
En nuestra nave no hay vacantes para más nadie,
En aquel momento, somos dos seres perdidos en nuestro espacio interior.
El mundo terreno desaparece,
Somos seres de otra dimensión,
Nuestro linguaje es único!
Y nos comunicamos por telepatía...
Sólo al nos miremos, nos entendemos.
Nuestros ojos transmiten las señales al cerebro,

No son necesarias palabras, ni sonidos...
Los únicos sonidos que oímos,
Son los sonidos del amor,
De los gemidos y suspiros,
De las palabras ininteligíveis que murmuramos,
En el afán del amar sublime,
Sus ojitos se cierran!
Y, incontroláveis se vuelcan...
En la órbita de su mundo absorta...
Suyo suspire queda cadenciado,
Se confunde con su placer...
Su sudor se desprende,
En respuesta a los veredictos dados,
En la juzgada batida del corazón enamorado...
Sus cabellos entonces, se mezclan,
A la dulce miel jorrando de tu nascente,
Su río rebosa de amor,
Vertiendo de más pura y cristalina forma!
Su forma de brindar el amor...
Y á causa que acabamos de pleitear...
El derecho de ser feliz,
De nuestro amor,
Al exótico sabor de un buen beso,
Selarmos este viaje,
Hecha a los extremos de nuestro universo paralelo...

Observando, sólo entre nosotros dos...
La inmensidad de las luces lanzadas,
En este nuestro polo Austral, interplanetário!
Nuestra linda y multicolorida,
Aurora Boreal..

Dely T.Damaceno

Publicado no recanto das letras em 20/fev/2010.

Código do texto: T.2.098.459

Copyright © 2010 todos os direitos reservados,você não pode copiar,exibir,distribuir,executar,criar obras,derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010

SAUDADE BOA! / AÑORANZA BUENA!





SAUDADE BOA!

Sonhos quase infantis,
Puros em sua essência,
Com uma imensa alegria,
Povoam nossa existência!

Sonhos na realidade,
São desejos reprimidos ,
Ou medos na consciência,
De se enfrentar a verdade.

De que um grande amor acabou,
Ou de que se ama e não se é amado,
Ficam em nós as lembranças,
De um feito não concretizado...

Mas , permanece acirrada,
Uma vontade nada à-toa ,
De se fazer materializar, o feito
Daquela saudade boa!
DELY DAMACENO
FEV/2010
========================================================================
AÑORANZA BUENA!

Sueños casi infantiles,
Puros en su esencia,
Con una inmensa alegría,
Pueblan nuestra existencia!


Sueños en la realidad,
Son deseos reprimidos ,
O miedos en la conciencia,
De enfrentarse la verdad.

De que un gran amor acabó,
O de que se ama y no se es amado
Quedan en nosotros los recuerdos,
De un hecho no concretizado...

Pero , permanece acirrada,
Una gana nada a la-toa ,
De hacerse materializar, el hecho
De aquella añoranza buena!

DELY DAMACENO

FEV/2010




O TOQUE DA NATUREZA





Senti-me impelido a caminhar,
Coloquei-me pela estrada , sem rumo,
Andei por vastas planícies , atravessei riachos
Adentrei a mata fechada , pude inalar perfumes...

Galguei encostas,e caminhei à beira- mar,
Aspirei as essências naturais ,
Ouvi sons diversos...
O som do vento nas copas frondosas ,falando à mim...

Nas mensagens captadas da natureza ,
Posso sentir ainda hoje,
De que o que vemos não é tudo,
De que existia pois, um algo à mais...

No cantar das aves mil,
Revoadas à passar ,
Répteis das mais diversas espécies,
Nas nuvens brancas no céu azul à reinar...

Uma bela cachoeira,eu no sopé da montanha,
Banho-me em suas águas frias,
Refrescando- me até a alma,
Esta natureza que em mim,entranha...

Meu coração se enebría
De tanta beleza o redor,
Sente- se paz ,amor,em tudo que se vê,
Flores , brisa,insetos;enxerga-se a mão sábia do Criador...

Quero sentir o suave toque,
Da natureza em meu viver,
Poder realizar os desejos de minha vida,
No próximo dia que vai nascer...

Dely T.Damaceno